Bem-vindo ao site da CONFAGRI
21-09-2017 23:50
Go Search
 
 

 
Bolsas europeias abrem em queda no dia em que o Reino Unido revela pormenores sobre o Brexit 

 

Os mercados accionistas reflectem as preocupações dos investidores no dia em que a primeira-ministra britânica, Theresa May, divulga mais detalhes sobre a posição do Reino Unido sobre o Brexit, antes de se iniciar uma nova ronda de negociações com a União Europeia.

O principal índice português abriu sessão desta segunda-feira a negociar em terreno negativo, pela terceira sessão consecutiva, com quedas no sector do retalho e energéticas. O PSI 20 segue a cair 0,45 por cento para os 5.162,71 pontos, acompanhado a tendência negativa dos mercados acionistas europeus.

No sector da energia, a EDP perde 0,22 por cento para os 3,195 euros, a EDP Renováveis cai 0,13 por cento para os 6,851 euros, a Galp Energia desliza 0,04 por cento para os 13,855 euros e a REN substrai 0,35 pontos percentuais (p.p.) para os 2,812 euros.

Em queda está também o sector do retalho, com a Sonae, líder retalhista em Portugal, a descer 0,62 pontos para os 0,964 euros, acompanhada pela rival Jerónimo Martins, que descai 0,24 por cento para os 16,360 euros.

A Ibersol é a cotada com maiores perdas, a cair 2,35 p.p. para os 13,915 euros. A contribuir para a tendência negativa do índice estão também o BCP (-0,65%), a NOS (-0,72%), os CTT (-0,53%) e as unidades de participação do Montepio (-0,60%). Em contraciclo, a Altri ganha 0,11 pontos para os 3,728 euros, assim como a Semapa (0,88%), Sonae Capital (0,77%) e a Mota-Engil (0,08%).

Na Europa, as congéneres europeias negoceiam com tendência negativa. O DAX, principal índice alemão, perde 0,54 por cento, o CAC francês subtrai 0,57, o espanhol IBEX desvaloriza 0,26 e praça britânica FTSE 100 cai 0,29 pontos.

Os mercados accionistas refletem as preocupações dos investidores no dia em que a primeira-ministra britânica, Theresa May, divulga mais detalhes sobre a posição do Reino Unido sobre o Brexit, antes de se iniciar uma nova ronda de negociações com a União Europeia. Theresa May deverá revelar a proposta britânica face a três temas fracturantes em cima da mesa: a questão dos cidadãos europeus em território britânico, a factura a pagar pela saída do bloco europeu e a questão da fronteira irlandesa.

As praças accionistas reagem em baixa na sequência do atentado nas Ramblas de Barcelona, na passada quinta-feira, que vitimou 14 pessoas e causou centenas de feridos. Na passada sexta-feira, um outro atentado em Finlândia fez dois mortos e vários feridos depois de um homem ter esfaqueado várias pessoas na cidade de Turku.

Depois da demissão do conselheiro principal de Donald Trump, Steve Bannon, são também esperados nos Estados Unidos dados sobre a evolução da maior economia do mundo, com a divulgação do índice nacional de actividade da Reserva de Chicago.

No mercado petrolífero, o brent perde 0,40 por cento para os 52,51 dólares por barril e o crude cai 0,35 p.p. para os 48,48 dólares. No mercado cambial, o euro desvaloriza 0,19 por cento para 1,17 dólares e a libra perde 0,08 pontos para 1,28 dólares.

Fonte: jornaleconomico


Notícias Associadas:

Vendas de panificação e pastelaria industriais sobem para 645 milhões de euros em 2016
Bruxelas disponibiliza 45 milhões de euros para ajudar Centro após incêndios
Governo apoia novas áreas industriais na região Centro com 39 milhões de euros
Crianças da UE em idade escolar vão receber leite, fruta e verduras
Observatório Europeu de Cereais e Oleaginosas realiza primeira reunião de trabalho


Imprimir  Enviar a um amigo

Voltar atrás