O Futuro da Viticultura Europeia: o que Fazer para que o Sucesso Continue?

Confagri 08 Nov 2019

 

O Futuro da Viticultura Europeia: o que Fazer para que o Sucesso Continue?

A CONFAGRI e a sua Associada FENADEGAS marcaram presença no workshop “O futuro da viticultura europeia: o que fazer para que o sucesso continue”, que teve lugar em Bruxelas, no passado dia 6 de Novembro, organizado pelo Copa-Cogeca e  pela  CEVI, em representação das cooperativas produtoras de vinho e dos viticultores independentes.

Foi feita uma breve apresentação sobre a importância e o sucesso do setor vitivinícola na União Europeia nas duas últimas décadas, concluindo-se que a balança comercial do setor vitivinícola aumentou 275%, com um lucro líquido de cerca de 8 mil milhões de euros em 2018. Também a qualidade melhorou significativamente, uma vez que 64% do vinho produzido é certificado (44% DOP – 20% IGP).

No decorrer dos trabalhos foram pontados vários desafios, entre os quais:

  • A deterioração de situação econômica devido à desaceleração económica mundial, com preços e margens cada vez menores.
  • Alterações climáticas, com grandes e graves implicações em termos de produção.
  • A transição para uma produção mais sustentável, que implica mudanças em termos de produção, com custos que não deverão ser apenas imputados aos produtores, mas sim a toda a cadeia.
  • Insegurança geopolítica, que por vezes afeta o setor agrícola em geral tal como é o caso das recentes das taxas impostas pelos EUA a produtos europeus, nomeadamente o vinho.
  • A importância cada vez maior dos consumidores e que implica uma análise do que produzimos, o que consumem, quais as tendências e que teremos que mudar?

No debate ficou evidente a necessidade dos viticultores europeus terem de enfrentar os novos desafios, procurando soluções inovadoras de modo a adquirirem competências para se adaptarem às novas exigências de mercado.

 

PAC deve fornecer suporte para produtores se adaptarem

O presidente do Grupo de Trabalho do Copa-Cogeca, Thierry Coste, referiu que “É essencial que a UE continue a apoiar o setor com um orçamento sólido da PAC que permita que se torne ainda mais competitivo e mais sustentável. Para isso, o quadro legislativo da PAC deve fornecer suporte e sinergias com outros fundos para que nossos produtores possam encontrar novas soluções e se adaptar às mudanças. O setor vitivinícola permanece otimista e acredita que, com as medidas corretas de apoio e uma política de comércio justo, poderá aceder a novos mercados e adaptar-se às novas tendências, oferecendo produtos inovadores (produtos mais ecológicos ou vinhos com baixo teor alcoólico)”.

“Diversidade é sinónimo de inovação e resiliência e, portanto, é essencial preservar e melhorar o modelo europeu de vinho, composto por uma grande variedade de empresas (pequenas, médias e grandes quintas e cooperativas de vinhos) que geram emprego e crescimento nas zonas rurais “, referiu o Presidente da CEVI, Thomas Montagne.

 

 

 

Apresentação em EN

Comunicado Conjunto Copa-Cogeca CEVI EN

Balcão Verde

Balcão de Atendimento aos Agricultores.
Com o RURALSIMPLEX é possível junto das estruturas locais - Cooperativas Agrícolas, Caixas de Crédito Agrícola, Associações de Agricultores e outras entidades com o protocolo específico agrupadas na CONFAGRI - atender Agricultores e prestar-lhes serviços de qualidade.

Aceder ao Balcão Verde Acesso reservado
Newsletter e Alertas

Receba alertas das notícias que mais interessam no setor agrícola: Legislação, Programas e Incentivos, Formação Profissional, Produtos e Iniciativas, Cooperativismo e todas as novidades relacionadas com a sua atividade profissional. Subscreva a newsletter CONFAGRI