GNR conta com mais de 150 novos guardas florestais a partir desta semana

Confagri 20 Abr 2020

Fonte: rr.sapo.pt/Lusa

155 guardas florestais terminaram a sua formação na Escola da Guarda, em Queluz, e iniciam funções na segunda-feira, anuncia MAI.

Mais de 150 guardas florestais iniciam na segunda-feira funções na GNR, tendo como principal missão fiscalizar ilícitos ambientais e reforçar o dispositivo de combate a incêndios, revelou este domingo, numa nota, o Ministério da Administração Interna (MAI).

No comunicado, o ministro Eduardo Cabrita saúda os 155 guardas florestais que terminaram a sua formação na semana passada na Escola da Guarda, em Queluz, concelho de Sintra e distrito de Lisboa, e que na segunda-feira iniciam funções.

Os novos guardas pertencem ao primeiro curso de formação desde 2004 e representam “o renascimento de uma importante função e que se encontrava em risco de desaparecer”, referiu o MAI.

Os novos elementos vão reforçar o Serviço de Proteção da Natureza e Ambiente (SEPNA) da Guarda Nacional Republicana e, enquanto polícia ambiental, têm como missão fiscalizar e investigar os ilícitos nos domínios florestal, da caça e da pesca.

O MAI realçou ainda “o papel determinante que estes novos guardas-florestais terão no quadro do dispositivo de combate a incêndios que está a ser preparado para este ano, e que contará com 11.827 operacionais, apoiados por 2.664 meios terrestres e 60 meios aéreos”.

Balcão Verde

Balcão de Atendimento aos Agricultores.
Com o RURALSIMPLEX é possível junto das estruturas locais - Cooperativas Agrícolas, Caixas de Crédito Agrícola, Associações de Agricultores e outras entidades com o protocolo específico agrupadas na CONFAGRI - atender Agricultores e prestar-lhes serviços de qualidade.

Aceder ao Balcão Verde Acesso reservado
Newsletter e Alertas

Receba alertas das notícias que mais interessam no setor agrícola: Legislação, Programas e Incentivos, Formação Profissional, Produtos e Iniciativas, Cooperativismo e todas as novidades relacionadas com a sua atividade profissional. Subscreva a newsletter CONFAGRI