Mogadouro aumenta para 75 por cento comparticipação nas despesas de sanidade animal

Confagri 12 Jun 2019

O município de Mogadouro, no distrito de Bragança, anunciou esta quarta-feira um aumento da comparticipação nas despesas de sanidade animal obrigatórias, que passa dos 50 para os 75 por cento, que vai abranger 457 produtores pecuários.

«Este aumento representa mais 25 por cento face ao último montante comparticipado pelo município, que se situava nos 56 mil euros e que se reporta a 2018», explicou à Lusa o presidente da câmara de Mogadouro, Francisco Guimarães.

Para o autarca, este aumento «é importante para a sobrevivência das explorações pecuárias» do território, já que a base da economia do concelho de Mogadouro é a agricultura e pecuária.

«Tentamos desta forma apoiar os agricultores que, teimosamente, apostam na produção pecuária num concelho onde há várias raças autóctones e façam crescer as explorações com incentivos dados pelo município, como é este caso», vincou o responsável autárquico.

Mogadouro é um concelho cuja economia assenta na agropecuária. O setor leiteiro, apesar da diminuição da produção, ainda é relevante para a economia do concelho, estando os produtores a reconverter as suas explorações para a criação de outras espécies de animais. Além da produção de leite, há no concelho importantes unidades de produção de carne porco, ovinos, caprinos e coelho.

Fonte: Lusa

Balcão Verde

Balcão de Atendimento aos Agricultores.
Com o RURALSIMPLEX é possível junto das estruturas locais - Cooperativas Agrícolas, Caixas de Crédito Agrícola, Associações de Agricultores e outras entidades com o protocolo específico agrupadas na CONFAGRI - atender Agricultores e prestar-lhes serviços de qualidade.

Aceder ao Balcão Verde Acesso reservado
Newsletter e Alertas

Receba alertas das notícias que mais interessam no setor agrícola: Legislação, Programas e Incentivos, Formação Profissional, Produtos e Iniciativas, Cooperativismo e todas as novidades relacionadas com a sua atividade profissional. Subscreva a newsletter CONFAGRI