PSD e CDS querem ouvir ministros do Ambiente e Agricultura sobre redução da produção de bovinos

Confagri 06 Dez 2018

O PSD e o CDS pediram esta quarta-feira para ouvir no parlamento os ministros do Ambiente e da Agricultura sobre o denominado “roteiro para a neutralidade carbónica em 2050”, o qual defende a redução da produção de bovinos entre 25 a 50 por cento.

Num requerimento assinado pelos deputados Nuno Serra, Rubina Berardo, Maurício Marques e António Lima Costa, o grupo parlamentar do PSD pede a audição urgente dos governantes e critica as afirmações do ministro do Ambiente e Transição Energética, acusando Matos Fernandes de «enorme desconhecimento do país e mundo rural».

O PSD cita a afirmação do ministro ao jornal Público de terça-feira, segundo a qual «o roteiro do Governo para a neutralidade carbónica em 2050 preconiza mudanças profundas, como a redução da produção de bovinos entre 25 a 50 por cento e o aumento da capacidade de sumidouro da floresta em quatro megatoneladas de dióxido de carbono».

Para o PSD, a entrevista do ministro «pressupõe que existe um “Roteiro” delineado por este Governo que prevê a redução do efetivo bovino em Portugal, setor de relevo no complexo agroalimentar nacional».

Os sociais-democratas consideram que «um “Roteiro” de abandono da produção bovina só trará mais assimetrias territoriais, abandono do interior, aumento da importação de carne e perda de competitividade na fileira láctea, redução drástica de postos de trabalho em toda a fileira agropecuária e industrial e o aumento do défice na balança comercial».

O partido lembra ainda que a política de «devastação do potencial bovino trará graves consequências para as raças autóctones, as quais têm vindo a ser preservadas ao longo dos anos»

O CDS-PP pediu também para ouvir no parlamento os ministros do Ambiente e da Agricultura. Num requerimento dirigido ao presidente da comissão parlamentar de Agricultura e Mar, Joaquim Barreto, os deputados centristas Patrícia Fonseca, Ilda Araújo Novo e Hélder Amaral criticam as declarações do ministro do Ambiente e da Transição Energética, Matos Fernandes, publicadas na terça-feira no jornal Público, nas quais defendeu a redução da produção de bovinos.

«O CDS-PP considera estas declarações completamente inaceitáveis e que denotam um total desconhecimento e desrespeito pelo setor agropecuário nacional, que tanto contribui para a economia do país, para a dinamização dos territórios rurais e para a tão proclamada valorização do interior», referem os centristas no documento.

Entre outros argumentos para querer ouvir as explicações dos governantes, o CDS-PP sustenta que «Portugal é deficitário em carne de bovino, produzindo apenas cerca de metade das suas necessidades».

Fonte: Lusa

Balcão Verde

Balcão de Atendimento aos Agricultores.
Com o RURALSIMPLEX é possível junto das estruturas locais - Cooperativas Agrícolas, Caixas de Crédito Agrícola, Associações de Agricultores e outras entidades com o protocolo específico agrupadas na CONFAGRI - atender Agricultores e prestar-lhes serviços de qualidade.

Aceder ao Balcão Verde Acesso reservado
Newsletter e Alertas

Receba alertas das notícias que mais interessam no setor agrícola: Legislação, Programas e Incentivos, Formação Profissional, Produtos e Iniciativas, Cooperativismo e todas as novidades relacionadas com a sua atividade profissional. Subscreva a newsletter CONFAGRI