Projeto “O meu gesto, pelo nosso Portugal” assegurou mais de 18 toneladas de bens alimentares

Confagri 22 Abr 2022

Fonte: agroportal.pt

FENACAM / Crédito Agrícola, em conjunto com a CONFAGRI / Cooperativas Agrícolas e a Cáritas Portuguesa, apresenta o balanço de um ano de mobilização de esforços do setor cooperativo português na corrente solidária “O Meu Gesto, Pelo Nosso Portugal”.

Com o alto patrocínio do Presidente da República, as Cooperativas nacionais uniram-se para ajudar a mitigar os efeitos económicos e sociais causados pela pandemia em Portugal e conseguiram assegurar mais de 18 toneladas de bens alimentares, como leite, azeite, carne bovina/suína, fruta, hortaliças, mel, ovos e muitos outros produtos essenciais às famílias, cerca de 35 mil euros em donativos monetários e mais de 61 mil produtos referentes à proteção individual em saúde, como máscaras, gel hidroalcoólico e toalhetes desinfetantes, que representam uma importância de aproximadamente 32 mil euros.

Este projeto nasceu com o propósito de suprir as carências e as dificuldades das famílias em situação de vulnerabilidade alimentar e económica, sublinhando o papel do cooperativismo em Portugal a nível da responsabilidade social praticada junto das comunidades onde se inserem. O setor cooperativo, contabilizando apenas as cooperativas de produção agrícola, representa 250 mil cooperantes, demonstrando assim a sua expressão nacional e forte ligação às comunidades locais, que longe dos grandes centros urbanos, apresentam as mais diversas necessidades a nível de apoio social e económico, como por exemplo no que diz respeito à promoção dos produtos regionais.

A sessão de encerramento contou com a transmissão de uma mensagem de reconhecimento do Presidente da Républica Portuguesa – Professor Marcelo Rebelo de Sousa, e com a presença do Presidente da FENACAM – Eng. Jorge Volante, da Presidente da Cáritas Portuguesa – Dr.ª Rita Valadas, do Presidente da CONFRAGI – Comendador Santos Gomes, e da Ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social – Dra. Ana Mendes Godinho, da Ministra da Agricultura e Alimentação – Dra. Maria do Céu Antunes. Nesta cerimónia, foram ainda entregues, em mão, à Cáritas outros donativos, num gesto simbólico em nome de todos as cooperativas.

Jorge Volante, Presidente da FENACAM, sublinhou no decorrer da cerimónia que “os resultados deste projeto solidário expressam a capacidade de mobilização do setor cooperativo, que felizmente conseguiu apoiar tantas famílias. Infelizmente, as carências e as dificuldades das famílias continuam a agravar-se fruto do contexto que se vive, desde a pandemia que ainda persiste, à inflação e à crise decorrente da guerra na Europa, pelo que a grandeza deste projeto solidário poderá continuar por mais algum tempo. O setor cooperativo, fruto da sua proximidade e envolvimento com as comunidades locais e as suas pessoas, conhece ativamente as necessidades existentes e consegue facultar apoio e entregar capacidade de organização de processos, como por exemplo levar os produtos regionais além-fronteiras e estimular a economia local. Conhece também as privações sociais e observa-as diretamente nos rostos das pessoas, não podendo ficar alheio e procurando mecanismos de ação e contributo.

Este espírito de cooperativismo está bem vivo e os resultados deste movimento solidário demonstram-no. Unidas, as cooperativas atingem uma escala de relevância nacional indiscutível e têm em si um enorme potencial para o desenvolvimento social e económico”.

Prof. Marcelo Rebelo de Sousa, Presidente da República Portuguesa afirmou que “a primeira palavra é de agradecimento pela solidariedade das redes cooperativas agrícolas portuguesas e das Caixas de Crédito Agrícolas, cumprindo um dos mais nobres e importantes pilares do cooperativismo, que é a responsabilidade social junto das comunidades em que se inserem. Os últimos dois anos vieram confirmar a natureza fraterna e solidária dos portugueses, confirmação patente nas respostas encontradas, que foram tantas e diversas, para fazerem face aos efeitos sociais da pandemia. E este é também um dos traços distintivos do setor cooperativo, que tem desempenhado um papel muitas vezes discreto, mas de grande proximidade junto das comunidades, e é importante não esquecer que existe este setor que trabalha dia a dia, do nascer do sol até ao seu pôr.”

A corrente solidária “O Meu Gesto, Pelo Nosso Portugal” contou com o apoio das Caixas Agrícolas para a recolha dos donativos monetários, das cooperativas com os seus donativos em bens e com a ajuda da Cáritas Portuguesa na identificação e distribuição junto das famílias carenciadas.

Pode ler a notícia original aqui

Balcão Verde

Balcão de Atendimento aos Agricultores.
Com o RURALSIMPLEX é possível junto das estruturas locais - Cooperativas Agrícolas, Caixas de Crédito Agrícola, Associações de Agricultores e outras entidades com o protocolo específico agrupadas na CONFAGRI - atender Agricultores e prestar-lhes serviços de qualidade.

Aceder ao Balcão Verde Acesso reservado
Newsletter e Alertas

Receba alertas das notícias que mais interessam no setor agrícola: Legislação, Programas e Incentivos, Formação Profissional, Produtos e Iniciativas, Cooperativismo e todas as novidades relacionadas com a sua atividade profissional. Subscreva a newsletter CONFAGRI