Já limpou o seu terreno? Tem até 30 de abril para o fazer

Confagri 19 Abr 2022

Fonte: noticiasaominuto.com

De forma a minimizar o risco de incêndio, o Governo recorda que deverá limpar a vegetação dos seus terrenos até ao dia 30 de abril, através da iniciativa ‘Portugal Chama’.

“Sabia que limpar a vegetação à volta das casas é a melhor forma de prevenir que um incêndio o atinja a si e aos seus bens? Até 30 de abril limpe os seus terrenos. Não se esqueça que é obrigatório”, lembra o organismo, através de uma publicação na sua página do Instagram.

Caso não o faça até esta data, está sujeito a coimas até aos cinco mil euros para pessoas singulares, e até 25 mil euros para pessoas coletivas.

Além disso, findo este prazo, as Câmaras Municipais “podem substituir-se aos proprietários na limpeza do mato”, sendo estes “obrigados a permitir o acesso aos seus terrenos e a pagar as despesas à Câmara”.

A página ‘Portugal Chama’ lembra, assim, que é “obrigatório fazer limpeza e corte de árvores 100 metros à volta das aldeias, parques de campismo, parques industriais, plataformas de logística e aterros sanitários”, apelando ainda a que reduza “a vulnerabilidade de sua casa fazendo uma faixa de gestão da vegetação de 50 metros (territórios florestais) ou 10 metros (territórios agrícolas), a partir da alvenaria exterior da casa”.

Ainda com dúvidas? Tire-as em https://portugalchama.pt ou através do número 808 200 520.

Balcão Verde

Balcão de Atendimento aos Agricultores.
Com o RURALSIMPLEX é possível junto das estruturas locais - Cooperativas Agrícolas, Caixas de Crédito Agrícola, Associações de Agricultores e outras entidades com o protocolo específico agrupadas na CONFAGRI - atender Agricultores e prestar-lhes serviços de qualidade.

Aceder ao Balcão Verde Acesso reservado
Newsletter e Alertas

Receba alertas das notícias que mais interessam no setor agrícola: Legislação, Programas e Incentivos, Formação Profissional, Produtos e Iniciativas, Cooperativismo e todas as novidades relacionadas com a sua atividade profissional. Subscreva a newsletter CONFAGRI