Brexit: Juncker só aceita «curta extensão» se parlamento britânico aprovar acordo até 12 de abril

Confagri 03 Abr 2019

O presidente da Comissão Europeia argumenta que conceder uma nova extensão curta do Artigo 50.º ao Reino Unido poria em causa o normal decurso das eleições europeias, assim como o bom funcionamento da União Europeia.

Juncker defendeu esta quarta-feira que nenhuma extensão de curta duração do Brexit será possível se a Câmara dos Comuns não ratificar o Acordo de Saída do Reino Unido da União Europeia (UE) até 12 de abril.

«Se o Reino Unido estiver em condições de aprovar o Acordo de Saída, com uma maioria viável, até 12 de abril, a UE deverá, nesse caso, aceitar uma extensão até 22 de maio. Se a Câmara dos Comuns não se pronunciar antes desta data, nenhuma extensão suplementar de curta duração será possível», declarou Jean-Claude Juncker.

Numa intervenção no Parlamento Europeu, na mini-sessão plenária a decorrer em Bruxelas, o presidente do executivo comunitário argumentou que conceder uma nova extensão curta do Artigo 50.º ao Reino Unido poria em causa o normal decurso das eleições europeias, assim como o bom funcionamento da UE.

Fonte: jornaleconómico

Balcão Verde

Balcão de Atendimento aos Agricultores.
Com o RURALSIMPLEX é possível junto das estruturas locais - Cooperativas Agrícolas, Caixas de Crédito Agrícola, Associações de Agricultores e outras entidades com o protocolo específico agrupadas na CONFAGRI - atender Agricultores e prestar-lhes serviços de qualidade.

Aceder ao Balcão Verde Acesso reservado
Newsletter e Alertas

Receba alertas das notícias que mais interessam no setor agrícola: Legislação, Programas e Incentivos, Formação Profissional, Produtos e Iniciativas, Cooperativismo e todas as novidades relacionadas com a sua atividade profissional. Subscreva a newsletter CONFAGRI