Madeira paga 35 mil euros de indemnizações a agricultores afetados por temporais

Confagri 07 Jun 2019

O Conselho do Governo Regional da Madeira decidiu esta quinta-feira atribuir 35.710 euros de indemnizações aos agricultores afetados pelos temporais de fevereiro e março de 2018, indicou o vice-presidente, Pedro Calado, após a reunião semanal do executivo.

A verba será canalizada para um conjunto de agricultores da cultura de cana-de-açúcar, de 12.103 euros e da cultura de banana, de 23.607 euros, oriundos da costa sul da ilha da Madeira, a mais fustigada pelos temporais do início do ano de 2018.

O Governo Regional deliberou, por outro lado, atribuir um total de 72.503 euros a 14 associações juvenis da região autónoma, cujas atividades de natureza educativa, formativa, cultural e de solidariedade social são «imprescindíveis na coesão e desenvolvimento da sociedade civil».

«Os montantes atribuídos constituem um contributo para a geração de dinâmicas participativas das crianças e jovens em projetos assentes na cidadania ativa, condição essencial para que sejam criadas e reforçadas oportunidades efetivas do seu envolvimento em projetos da mais diversa natureza, todos com relevantes fins sociais», explicou o vice-presidente do executivo.

Pedro Calado disse que os contratos-programa com estas 14 associações juvenis têm ainda por objetivo a «emancipação juvenil», de modo a que o associativismo represente um «impulso gerador de autonomia», tornando os jovens «protagonistas ativos» na construção de «novos paradigmas consentâneos com as exigências da contemporaneidade».

O Conselho do Governo Regional aprovou ainda a atribuição de um apoio de 13.200 euros à Casa do Povo de Santa Maria Maior, no Funchal, tendo em vista assegurar a «prossecução de eventos socioculturais» e, por outro lado, deliberou um conjunto de expropriações e aquisições de terrenos em diversos locais da ilha, no valor de 75.600 euros, para a realização de obras públicas.

Pedro Calado comunicou também a celebração de um contrato-programa entre a IHM – Investimentos Habitacionais da Madeira e a Associação Reinventa, no valor de 49.950 euros, com vista a contribuir para a promoção, dinamização e realização de iniciativas dirigidas às famílias em situação de vulnerabilidade social.

Fonte: Lusa

Balcão Verde

Balcão de Atendimento aos Agricultores.
Com o RURALSIMPLEX é possível junto das estruturas locais - Cooperativas Agrícolas, Caixas de Crédito Agrícola, Associações de Agricultores e outras entidades com o protocolo específico agrupadas na CONFAGRI - atender Agricultores e prestar-lhes serviços de qualidade.

Aceder ao Balcão Verde Acesso reservado
Newsletter e Alertas

Receba alertas das notícias que mais interessam no setor agrícola: Legislação, Programas e Incentivos, Formação Profissional, Produtos e Iniciativas, Cooperativismo e todas as novidades relacionadas com a sua atividade profissional. Subscreva a newsletter CONFAGRI