Comercialização de carne de bovino nos Açores cresce 11 por cento até Agosto

Confagri 13 Set 2018

A comercialização de carne de bovino nos Açores, nos primeiros oito meses de 2018, comparativamente a igual período de 2017, registou um crescimento de 11 por cento.

Estes valores resultam do abate de 48 mil animais nos matadouros da Região, informou esta quarta-feira, 12 de setembro, a Secretaria Regional da Agricultura e Florestas açoriana.

Do total de abates aprovados entre Janeiro e Agosto, que representam 11 mil toneladas de carne, 55 por cento teve como destino a exportação e 45 por cento o consumo local.

No período em análise registou-se um crescimento de 3,2 por cento no consumo local e de 18 por cento na exportação de carne de bovino. Relativamente aos abates de bovinos com Identificação Geográfica Protegida (IGP), cuja carne é mais valorizada no mercado, houve um crescimento de quase 30 por cento. Este conjunto de indicadores traduz a dinâmica de crescimento e de afirmação sustentável da fileira da carne no contexto do setor agrícola dos Açores.

A situação favorável que se verifica no mercado da carne de bovino «é resultado da aposta estratégica do Governo dos Açores nesta fileira, onde os investimentos na rede regional de abate são aqueles que têm maior visibilidade, e do grande trabalho que os agricultores têm feito ao nível da melhoria constante das suas produções», refere um comunicado do Executivo Regional.

Fonte: Agricultura e Mar Actual

Balcão Verde

Balcão de Atendimento aos Agricultores.
Com o RURALSIMPLEX é possível junto das estruturas locais - Cooperativas Agrícolas, Caixas de Crédito Agrícola, Associações de Agricultores e outras entidades com o protocolo específico agrupadas na CONFAGRI - atender Agricultores e prestar-lhes serviços de qualidade.

Aceder ao Balcão Verde Acesso reservado
Newsletter e Alertas

Receba alertas das notícias que mais interessam no setor agrícola: Legislação, Programas e Incentivos, Formação Profissional, Produtos e Iniciativas, Cooperativismo e todas as novidades relacionadas com a sua atividade profissional. Subscreva a newsletter CONFAGRI